Residência Bonanza

O projeto da residência Bonanza, localizada em  Aracaju tira partido da paisagem circundante típica de restinga comumente encontrada em região praiana do litoral sergipano.

A casa volta-se prioritariamente para o leste, orientação que promove um melhor aproveitamento da ventilação natural. A fachada voltada para o nascente é recoberta em quase toda a sua dimensão por um brise ripado de madeira que possui painéis passíveis de serem abertos na frente dos dormitórios. A fachada sul, voltada para a rua, é praticamente cega de forma a garantir a privacidade no interior da residência. Embora tenha sido projetada em um terreno de pequenas dimensões, houve a definição de um generoso pátio interno linear para o qual a maior parte dos espaços domésticos se voltam. A face oeste da edificação toca em dois pontos os limites do lote, permanecendo sem aberturas para o exterior nesses trechos. Nessa mesma face houve a criação de um pequeno jardim enclausurado no pavimento térreo que estabelece conexão com a sala de estar e, no andar superior, projetou-se uma galeria de circulação protegida do sol poente que se abre para uma paisagem notável de dunas e coqueirais de beleza singular.

O andar superior faz conexão com dois terraços externos; um sobre a laje da cozinha e outro sobre o dormitório do pavimento térreo. No primeiro terraço será executado um jardim de espécies de restinga desenhado com o intuito de explorar todo o potencial plástico da flora desse ecossistema tropical. Sem acesso a partir do interior da residência, tem a função de ser um objeto para fruição estética a partir dos ambientes do pavimento superior da edificação. O segundo terraço serve como uma extensão do dormitório principal, servindo como um estar a céu aberto.

  • Ano: 2012
  • Localização: Aracaju, SE | Brasil
  • Área: 250,00m²
  • Autores: Guile Amadeu, Lícia Cotrim e Rodrigo Lacerda
  • Equipe: Guile Amadeu, Lícia Cotrim e Rodrigo Lacerda
voltar aos projetos